domingo, 27 de setembro de 2009 0 comments

Domingo de turista em São Gabriel

Saímos da Casa dos Professores às oito e meia da manhã e subimos ao centro da cidade para o Café da manhã regional:

tapioquinha com queijo coalho e tucumã;
X-caboclinho (pão, queijo coalho, tucumã e banana frita);
bolo de milho;
bolo de macaxera;
suco de cupuaçu, taperebá, e tudo mais que a floresta proporcina :)

Logo depois, subimos o Morro da Boa Esperança... Cada estaçâo, milhares de fotos... A máquina fotográfica substituiu as orações. Fotografar também é uma forma de agradecer pelo esplendor da paisagem.

O almoço foi no CIMARNE, o clube do exército que abre aos domingos para os baderneiros civis.

E cá estou eu, bem turista na internet!
sábado, 26 de setembro de 2009 0 comments

Para de reclamar e pensa!

Em Nheengatu, em Baniwa, em Tukano e em Portugues, um grupo de jovens adultos (alguns bem mais velhos que isso) prometeram levar o ensino às escolas públicas de Sao Gabriel da Cachoeira.

Eram os formandos do Normal Superior da Universidade do Estado do Amazonas (UEA).

Em apenas oito anos, a UEA é hoje responsável por 25% do ensino superior do estado do Amazonas.

Problemas? Milhoes!!! É preciso investir pesado na formaçao dos professores, em pesquisas que possam melhorar a vida de toda populaçao...

Em seus primeiros passos, a universidade traz esperança de uma nova Amazonia feita de homens e livros.
terça-feira, 15 de setembro de 2009 0 comments

Apartheid à brasileira

Ontem um bicheiro me explicou a sociedade gabrielense:

A alta, a baixa e o povo daqui.

A alta é formada pelos comerciantes.

A baixa, pelos funcionários do governo e do comércio.

E o povo daqui são os povos indígenas...
 
;